Acompanhante Terapêutico: a intervenção na crise

Resumo: apresento neste estudo uma breve relação da desinstitucionalização com a prática do Acompanhamento Terapêutico e o surgimento de uma modalidade de serviço prestado à saúde Mental. Abordo neste estudo a prática do Acompanhante Terapêutico como uma estratégia inovadora e diferenciada de intervenção, que tem por objetivo a reinserção de doentes mentais na sociedade, bem como a orientação dos familiares envolvidos nos manejos adequados em situações de crise. Trata-se de uma prática itinerante que tem como setting as ruas da cidade e os mais diversos contextos sociais.

Palavras Chave: Acompanhante Terapêutico, desinstitucionalização, crise. (mais…)

O Acompanhamento Terapêutico no Cotidiano da Vida – Ou Memória da Loucura: E Agora José?

Autora: Mirian Pantoja de Bustamante – Médica psiquiatra e psicoterapeuta, especializada em Psiquiatria pela UFRJ, responsável pela implantação da Casa de Convivência da Clínica Botafogo na década de 90. Para começar, uma explicação sobre um título tão rebuscado: a exposição Memória da Loucura que orgulhosamente vejo acolhida no nosso Centro de Ler mais…